jeudi 28 février 2013

Regulamento I PRÊMIO VARAL DO BRASIL DE LITERATURA


REGULAMENTO DO CONCURSO CULTURAL "1º PRÊMIO VARAL DO BRASIL DE LITERATURA - 2013", PROMOVIDO PELA
REVISTA VARAL DO BRASIL

A finalidade do presente concurso é a divulgação da Língua Portuguesa e da arte literária mediante premiação das melhores obras literárias dentro do proposto no regulamento a seguir:

1.   Poderão participar do concurso pessoas maiores de 18 anos que sejam brasileiras ou estrangeiras e que escrevam na Língua Portuguesa.
2.   Serão consideradas três categorias: contos, crônicas e poemas.
3.   Os originais deverão ser inéditos e escritos em Língua Portuguesa. Os contos, crônicas e poemas não poderão ser traduções de originais de outros idiomas e não poderão ter sido publicados anteriormente em nenhum meio de comunicação, impresso ou virtual, e poderá ser chamado às vistas da lei.
4.   O conteúdo dos originais seguirá o critério seguinte: o tema é LIVRE, ou seja, o autor poderá escrever sobre o assunto de sua escolha. Os textos não deverão trazer temática partidária, seja ela política, religiosa, racial ou outra. Textos que possuam conteúdo partidário político, religioso, racial ou outro e textos que contenham pornografia de qualquer espécie serão desclassificados deste concurso sem mais.
5.   Cada candidato poderá concorrer nas três categorias com um trabalho em cada uma delas no máximo. Para cada categoria o candidato deverá fazer uma inscrição separada e enviar também separadamente, o material a ser avaliado no concurso.
6.   A inscrição dos originas deverá ser realizada no período entre 1º de fevereiro e 30 de abril de 2013, mediante o pagamento de uma taxa de inscrição e do envio dos originais a serem avaliados para o e-mail varaldobrasil@gmail.com nas condições abaixo discriminadas.
7.   O valor da taxa de inscrição fica estabelecido em: CHF 25,00 (vinte e cinco francos suíços) para a Suíça; BRL 45,00 (quarenta e cinco reais) para o Brasil e EUR 20,00 (vinte euros) para todos os demais países. O valor deverá chegar ao VARAL DO BRASIL isento do pagamento da taxa de transferência bancária ou depósito bancário. 
8.   As coordenadas bancárias para o pagamento da taxa de inscrição deverão ser solicitadas através do e-mail varaldobrasil@gmail.com
9.   Os interessados preencherão a ficha de inscrição que será enviada junto do texto (folha separada) e comprovante de pagamento da taxa de inscrição. Uma foto de rosto deverá ser enviada junto ao restante do material solicitado.
10.   As inscrições serão realizadas apenas online, por intermédio do e-mail varaldobrasil@gmail.com  e o autor deverá utilizar um pseudônimo que será indicado em sua ficha de inscrição.
11.   As crônicas e os contos deverão ser enviados em formato A4, letra Arial 12. Os contos deverão ter no máximo duas páginas e as crônicas no máximo uma página.
12.   Os poemas deverão ser enviados obedecendo às mesmas condições dos itens 10 e 11, mas contendo no máximo 1 página.
13.   Não serão considerados válidos textos que vieram colados no corpo do e-mail nem textos que vierem sem o comprovante de pagamento da taxa de inscrição.
14.   Para seleção das melhores obras o VARAL DO BRASIL formará uma Comissão Julgadora que estará apta a avaliar os originais enviados de acordo com os critérios editoriais, criatividade e estilo para desta forma escolher os vencedores do presente Prêmio.
15.   Toda e qualquer decisão tomada pela Comissão Julgadora será irrevogável. E para a decisão não cabe nenhum tipo de recurso ou medida judicial. A inscrição no concurso implica na aceitação de todos os itens deste regulamento.
16.   A escolha das melhores obras literárias será publicada no mês de junho de 2013 no site e blog do VARAL DO BRASIL (www.varaldobrasil.com e www.varaldobrasi.blogspot.com) e divulgada amplamente.
17.   Os vencedores em cada categoria receberão certificado do I PRÊMIO VARAL DO BRASIL DE LITERATURA, além da quantia de CHF 500,00 (quinhentos francos suíços) e a participação como convidados no livro VARAL ANTOLÓGICO 4 a ser editado em 2014.
18.   Os detentores do segundo lugar em cada categoria receberão Menção Honrosa, mais a quantia de CHF 300,00 (trezentos francos suíços) e a participação como convidados no livro VARAL ANTOLÓGICO 4 a ser editado em 2014.
19.   Do terceiro ao décimo lugar: Menção Honrosa e possibilidade de participar do livro VARAL ANTOLÓGICO 4 (mediante pagamento de inscrição com valor privilegiado).
20.   A nominação e comunicação dos premiados será feita por e-mail.
21.   Fica autorizada a publicação pelo VARAL DO BRASIL na revista VARAL DO BRASIL, no livro VARAL ANTOLÓGICO 4 e nos blog e site do VARAL DO BRASIL de todos os textos inscritos, sejam eles selecionados ou não. Os candidatos autorizam o uso e a veiculação do seu nome pelo VARAL DO BRASIL ou por terceiros por ele autorizados, inclusive para fins comerciais.
22.   A apresentação dos originais para concorrer ao I PRÊMIO VARAL DO BRASIL DE LITERATURA implica expresso acordo às normas apresentadas no presente Regulamento.
23.   Os prêmios são pessoais e intransferíveis e não poderão ser trocados por quaisquer outros produtos ou serviços.
24.   Todos os casos não previstos nas normas deste Regulamento serão resolvidos diretamente pelo VARAL DO BRASIL.
25.   A organização do VARAL DO BRASIL se reserva o direito de recusar qualquer candidatura que acredite não respeitar as normas deste Regulamento ou por outros motivos que a organização do I PRÊMIO VARAL DO BRASIL DE LITERATURA achar pertinente.


E EU SEI FAZER VERSOS?


Obs.: O telefone pra contato é: 11-99882-0770

ASAS do INTENTO


ASAS do INTENTO-de Marco LLobus 

Tive o contentamento e a emoção de prefaciar ASAS do INTENTO, do poeta, editor, fotógrafo, ativista cultural Marco Llobus.
Vale a pena ler.Poesia pura-em tom maior!
É o segundo livro  do poeta, que publicou, em papel, Dores de Indaiá nas memórias de Tapuia.

Clevane Pessoa 
Belo Horioznte-MG-Brasil

ASAS do INTENTO é e-book , no ISSUU 

Asas do Intento

issuu.com/redecatitu/docs/asas_do_intento

Asas do Intento Marco Llobus REDE CATITU CULTURAL Asas do Intento Poemas Marco Llobus 1 Edi o 2012 Belo Horizonte REDE ...



Crônica da Urda


TEMPOS FELIZES 1
- A nova casa
(Texto do livro "Meu cachorro Atahualpa", publicado em 2010)

Agora é o tempo da Alegria. Já fez 13 meses que estamos morando neste condomínio que é como que um pequeno paraíso, e onde a vida segue com tal suavidade que fica até difícil explicar.
No começo, ainda havia três casinhas em construção aqui bem perto, mas agora elas ficaram prontas e só há um único terreno vazio, ainda, esperando por uma construção. Como em qualquer comunidade do mundo há aqui gente diversificada e com gostos e hábitos diferentes, mas no geral, há uma grande harmonia envolvendo tudo. Aqui é a parte alta de um vale onde a gente pode avistar muito longe, vendo morros verdes e morros azuis, lá na distância, e quando Atahualpa e eu chegamos aqui, nossa varanda não tinha cerca nem portão, nosso jardinzinho abandonado era cheio de brita e nossa casinha era pintada de um verde bem escuro.   
O primeiro passo era cercar nossa varanda e jardim para que Atahualpa pudesse ficar solto; depois, havia que tirar a brita e fazer o jardim, o que fiz com as plantas que sempre tinham agradado ao meu cachorrinho: macia grama pelo de urso para ele se deitar; certas plantas de finas folhas altas esbranquiçadas para ele fazer xixi, e um carreirinho de flores para mim. Atahualpa sempre gostara tanto daqueles canteirinhos de grama pelo de urso que houvera no nosso passado, e sempre quisera tanto poder deitar e rolar em cima daquela grama, e sempre levara tantas broncas de síndicos e outras pessoas por tal motivo, que eu não via a hora em que ele tivesse o seu gramado particular. Também sempre gostara tanto de fazer xixi naquelas folhas finas e esbranquiçadas que encontrara no passado, e também levara tantas broncas por tal causa, que quando plantei aquelas plantas fi-lo na certeza de que estava construindo um pequeno paraíso para o meu cachorro. Mas o que tinham feito com ele, no entanto! Tantas broncas levou por querer ser feliz com as plantinhas de que gostava, que agora que tem, realmente, o jardinzinho que lhe prometi, nunca pisa nele, tão condicionado está de que aquelas plantas são proibidas.   Quem realmente usufrui daquele jardim é o Preto, o cachorro da Monique e da família da casa vizinha, que tinha apenas 3 meses quando viemos morar aqui.
Preto é um caso à parte, neste condomínio onde vivem muuuuitos cachorros. Ele me foi apresentado como Preto, mas, naquela altura, seu nome ainda estava indefinido, e sua família também o chamava de Cusco.  Acabou tendo o impressionante nome de Cusco Preto.
Assim como Atahualpa é um cachorrinho atarracado, forte e musculoso, Preto é um cachorro alto e de corpo fino, mas que cria tal quantidade de pelos, de vez em quando, que mais parece um assustador leão, e a gente pensa que ele é enorme. No entanto, até hoje, já em idade adulta, passa sem esforço pelas grades da nossa varanda e está sempre a roubar a comida do Atahualpa e na nossa casa ele se sente como se estivesse na casa dele. Quando meu cachorro ouve o portão da varanda tremendo por causa da velocidade com que o Preto o atravessa, sai em disparada para salvar seu osso preferido naquele dia – e o Preto aproveita e rouba a outra comida disponível que há! Penso que nossa vida, no entanto, não seria tão divertida sem a existência do Preto na casa da família Schörner, ao lado da nossa, e sem as brincadeiras, estrepolias e encrencas que os dois cachorros fazem juntos, com Monique sempre a acudir as artes do Preto aqui e ali, encantadora Monique que há pouco fez 9 anos, e que, além dos luminosos olhos azuis e tantas outras qualidades de criança que se sabe muito amada e muito querida, ainda usa fascinantes pantufas peludas nas manhãs frias, que me encantam a ponto de me por a fotografá-la. E Monique é apenas uma das tantas crianças que brincam ao lado da nossa casinha e na nossa varanda, trazendo todo um colorido às nossas vidas.   

Urda Alice Klueger
Escritora, historiadora e doutoranda em Geografia pela UFPR  

"Eu me dei conta de que cada vez que um dos meus cachorros parte, ele leva um pedaço do meu coração com ele. Cada vez que um cachorro novo entra na minha vida, ele me abençoa com um pedaço de seu coração. Se eu viver uma vida bem longa, com sorte, todas as partes do meu coração serão de cachorro, então eu me tornarei tão generoso e cheio de amor como eles."  (Autor desconhecido) 

mercredi 27 février 2013

CONVITE LANÇAMENTO IN/SACANDO A POESIA


Cursos no CEBRAC


CONVITE PARA O LANÇAMENTO DA ANTOLOGIA " MULHERES DA FLORESTA"


2º Prêmio Literário Narciso de Andrade


PUBLIQUE SEU LIVRO NA FAIXA
Serão 50 exemplares sem nenhum custo para o autor

O Prêmio Literário Narciso de Andrade
é aberto a todos os interessados do Brasil ou do exterior (desde que escritos em língua portuguesa).
Não há taxa de inscrição

 O primeiro classificado receberá, gratuitamente,
50 exemplares de seu livro editado da seguinte forma:
19x13,5 – 32 páginas,  capa brochura quatro cores, costurado,  miolo impresso em P & B.

Regulamento: 
Enviar uma única cópia de 25 poemas de sua autoria (até 25 linhas) - espaços entre as estrofes contam. Tema livre. O trabalho não precisa ser inédito.

(poemas digitados em fonte TIMES NEW ROMAN – tamanho 12 e impressos em qualquer tamanho de  sulfite). Atenção: Os trabalhos enviados não serão devolvidos.

Dê um título para o livro – crie um pseudônimo
Coloque os poemas em um envelope grande e dentro deste, em um envelope menor e lacrado coloque o título de seu livro, seu pseudônimo, seu nome e endereço completos.

Envie para:
Cláudia Brino e Vieira Vivo
Cx postal 156 – Centro
São Vicente – SP –  Brasil
11.310-971

Inscrição até dia 15 de maio de 2013
valendo o carimbo postal do correio.

O resultado será publicado aqui no blog e no Face /claudia.brino   
no mês de junho de 2013. 

maiores informações: cacbvv@gmail.com
Conheça nosso trabalho visitando o blog e o catálogo da Ed. Costelas Felinas
REALIZAÇÃO: Ed. Costelas Felinas (15 anos)
 

mardi 26 février 2013

Livro "Histórias da enfermagem no universo de cordel"


NOVIDADE!
Livro: Histórias da enfermagem no universo de cordel


Trata-se de um livro que utiliza a arte, a criatividade e a ludicidade do cordel para narrar
fatos, conquistas e muitas referencias à enfermagem.

Literatura indicada como referência em escolas de enfermagem dos diversos níveis e
para uso interdisplinar.

Enfermagem em versos de cordel é inovação.
Encante-se com o universo da enfermagem
Encante-se com o universo do cordel.


Ps.:  se desejar adquirir o livro, gentileza solicitar maiores informações
Onã Silva
- autora   onatil@gmail.com 


Notícias da Confraria


lundi 25 février 2013

27o SALÃO INTERNACIONAL DO LIVRO DE GENEBRA - ÚLTIMA SEMANA DE INSCRIÇÕES


(Clique na imagem para ampliar)


Última semana de inscrições para exposição de livros e para sessões de autógrafo num dos melhores Salões do Livro de toda a Europa.



I PRÊMIO VARAL DO BRASIL DE LITERATURA 2013


(Clique na imagem para ampliar)

Poetas En/Cena Volume 7


(Uma reunião de poemas de poetas brasileiros, no Belô Poético)
 
Prezado(a) poeta:
 
Mais uma vez estamos organizando uma antologia para o 9º   Belô Poético-Encontro Nacional de Poesia de Belo Horizonte.Trata-se de “Poetas En\Cena 7”, que este ano será dedicado a poeta e ativista cultural Maria Clara Segóbia e que  terá seu lançamento nacional dentro da programação do Encontro, que este ano acontecerá nos dias 25, 26, 27 e 28 de julho próximo. Nossa intenção com essa coletânea é enriquecer mais o Belô Poético, assim como aproximar poetas de várias tendências e estilos num Encontro já consolidado no cenário poético nacional, divulgando seus trabalhos em todo território nacional, assim como no exterior. Os poetas incluídos na antologia estarão automaticamente inscritos no 9o Belô Poético.
Maiores informações sobre a programação estará disponível no blog: www.blogdobelopoetico.blogspot.com  a partir de maio de 2013.
Estamos convidando-o a participar desse projeto e, para isso, seguem as informações abaixo:
 
·         Cada poeta participante terá direito a quatro páginas (três páginas para os poemas – um em cada página – para trovas, 4 em cada página), uma página para a biografia que deve conter, no máximo, quinze linhas, com correção ortográfica sob responsabilidade do autor. Caso a biografia ultrapasse esse nº de linhas, será automaticamente devolvido ao autor, para que ele próprio possa reduzi-la.
·         Poderá ser entregue via e-mail ou através de correspondência. Somente aqueles que tiverem muita dificuldade para digitar seus trabalhos é que poderá enviá-los datilografados ou manuscritos. Obs: hoje há Lan Houses que realizam esse trabalho.
·         O livro terá capa 02 cores, plastificada, em papel supremo 250g, – miolo: papel Ap 75g.
·         A antecedência desse informativo é para que haja tempo suficiente para a mais perfeita editoração da coletânea, cuidando do conteúdo, assim como o da estética do livro.
·         Cada autor fará um investimento de R$ 460,00 (quatrocentos e sessenta reais reais) para cobrir os custos de editoração e impressão do livro, que poderá ser pago em 04 (quatro) parcelas de R$ 115,00 (cento e quinze reais) cada, em forma de cheques nominais a Rogério Salgado da Silva, pré-datado para os dias 20 de abril, 15 de maio, 15 de junho e 15 de julho de 2012.  OBS: caso o autor não tenha cheques, gentileza entrar em contato conosco para vermos outra possibilidade de viabilizar o pagamento.
·         Cada poeta terá direito a 45 exemplares do livro.
 
A importância dessa iniciativa é a divulgação dos poetas, através de um Encontro que tem o seu reconhecimento nacional, o qual precisa de incentivo de todos os poetas, já que é um evento feito de poetas para poetas. Gentileza confirmar interesse em participar deste projeto até o dia 10 de abril de 2013, enviando o material por e-mail. Os cheques deverão ser enviados através de carta registrada para Belô Poético Produções Artísticas e Literárias. Caixa Postal 836 – Belo Horizonte/MG – CEP 30.161-970.
Os poetas que não puderem participar do 9o Belô Poético-Encontro Nacional de Poesia, receberão seus exemplares em casa, via correios. Despesas do correio por conta do poeta, participante da coletânea.
                                              

Rogério Salgado & Virgilene Araújo

Realizadores do “Belô Poético-Encontro Nacional de Poesia”
 
Maiores informações: (31) 3464.8213 - 8421.6827.
 

Antologia cidade 9 - chamada prorrogada


Saudações Literárias,

A Editora LiteraCidade, atendendo a pedidos – afinal o início do ano é período bem complicado financeiramente – resolve prorrogar até o dia 15 de março a chamada para a Antologia Literária Cidade – Volume 09. Você ainda pode enviar seus poemas contos e crônicas para nossa leitura, apreciação e possível publicação.

A antologia é cooperativa e o valor para participação é um dos mais acessíveis. Apenas R$ 60,00 por página, equivalentes a três exemplares.
Além dos exemplares enviados para os autores. Parte da publicação é enviada para bibliotecas da região, entidades literárias e autores do circuito alternativo.

O volume dez também recebe textos (em fluxo contínuo por tratar-se de uma antologia rotativa). Nela cada autor tem direito a dez exemplares e o espaço de dez páginas (sendo a primeira para biografia e resenha) e a capa é personalizada (foto de uma cidade na capa; fotografia do participante e biografia na contra-capa). Veja o modelo da capa em: http://editoraliteracidade.files.wordpress.com/2013/01/cidade10layout.jpg
Valor para participação: a) R$ 600,00 (em 12x no cartão de crédito via pagseguro)
b) R$ 500,00 em três pagamentos (o segundo e o terceiro através de cheques enviados via correios);
c) Para pagamento até o dia 10/03: R$ 450,00 (25% de desconto, para pagamento à vista através de depósito.
Exemplares adicionais R$ 30,00 cada até 10 adicionais / R$ 25,00 cada acima de 10.

Navegue por nosso site vendo nossos outros projetos. Como o Catálogo da Literatura “Alternativa”, cuja inscrição tem a opção grátis

Deixamos a você o nosso abraço junto com os versos de Gonçalves Dias:

“Tenho alaúde polido
Em que antigos Trovadores,
Em tom de guerra atrevido,
Cantavam trovas de amores.
Mas chegando a Santa Cruz,
De volta do meu desterro,
Cortei-lhe as cordas de ferro.
Cordas de prata lhe pus.”


Deurilene Sousa & Abilio Pacheco (organizadores)

samedi 23 février 2013

REVISTA VARAL DO BRASIL - MARÇO 2013







VARAL ESTENDIDO!

Passou o carnaval, passou mais da metade do inverno europeu e cá estamos nós com uma nova edição temática. Viemos falar de amor!
O amor é o que há de mais intrínseco na vida de cada um de nós. Somos feitos de amor e vivemos na contínua busca dele. Somos felizes quando damos amor e quando recebemos.
Há tantas formas de amar como há de viver. Ama-se a família: filhos, pais, irmãos, sobrinhos, tios, primos e todos mais.
Ama-se os amigos, nossa família escolhida e que, muitas vezes, acabam tornando-se de uma importância não sonhada. Ama-se alguém especial, alguém que consegue entrar coração a dentro  da gente e lá permanecer. Ama-se o universo, a natureza, os animais, a vida.
Não foi à toa que um dia um dia foi dito e é repetido até hoje: “Amai-vos uns aos outros”. “Amar ao outro como a si mesmo”. Amar.
O amor por um filho é o amor-dedicação. O amor por alguém que divide nossa vida, pode passar por muitas etapas, muitas variações desta melodia chamada amor. Mas sempre voltará ao mais básico dela: simplesmente amar.
Amor é energia que nos move e nos convida a viver melhor.
Este foi o motivo pelo qual escolhemos este tema para a revista de março. Porque precisamos mais do que nunca redescobrir o amor sob todas as suas formas.
O mundo anda conturbado demais. Tragédias nos afogam em lágrimas e fazem nosso coração se encher de questões construídas pela tristeza. E só o amor é remédio para tanto. Nada mais, nada menos.
Temos hoje nesta edição mais de cem autores que vieram falar do que conhecem bem: o sentimento, a emoção de amar.
Você deve ter percebido que há apenas um mês saiu a revista de fevereiro (com o tema Mulher, um universo). Pois é... Resolvemos fazer a revista mensal por um tempo e assim dar mais oportunidades a tantos que buscam escrever conosco. Veremos no segundo semestre se continuaremos assim ou voltaremos a fazê-la bimestral.
Nesta edição temos uma novidade que vai agradar, com certeza, a todos: ganhamos colunistas que, voluntários, falarão de assuntos os mais diversos a cada nova revista. Você lerá sobre arte, literatura, comportamento, cinema, etc.. Um novo mundo se abre dentro do Varal.
É, o Varal cresceu! Anda solto por aí atravessando continentes e fazendo com que pontes se estabeleçam e diminuam as fronteiras entre a literatura de um canto e outro. Interligando pessoas que têm em comum estas grandes paixões: ler e escrever em Português.
Brasileiros, portugueses, angolanos, moçambicanos. A Língua Portuguesa está alçando um voo sobre mares bem pouco navegados. E está voando bem, aterrissando em corações espalhados por este maravilhoso planeta em que vivemos.
Nossos preparativos para o 27o Salão Internacional do Livro de Genebra estão de vento em popa, com muitos livros chegando para exposição e divulgação. Nossa segunda participação contará com mais de vinte autores autografando seus livros durante o evento.  Autores estes vindos das mais diversas regiões do Brasil e também da Europa. Teremos vários lançamentos de livros, entre eles o volume 3 de nossa coletânea Varal Antológico, um grande orgulho. Teremos a presença da Literarte, que lançará dois livros durante o evento, com sua representante Dyandreia Portugal e vários coautores dos dois livros.
E o I PRÊMIO VARAL DO BRASIL DE LITERATURA continua recebendo inscrições. São contos, crônicas e poemas que nos chegam todos os dias. Este concurso, que pretende premiar os melhores trabalhos nestas três categorias, levará os seis primeiros lugares para o volume 4 da coletânea Varal Antológico em 2014!
Nossas atividades, feitas com dedicação e amor, têm conquistado sempre mais pessoas dispostas a participar. Por isto não hesitamos em continuar. Queremos que o amor da leitura e da escrita se espalhe cada dia mais dentro de cada um e cada vez mais longe se leia, escreva e valorize a Língua Portuguesa.
E claro, sempre com nosso estandarte maior guiando nossos passos: Literário, mas sem  frescuras!
Muito obrigada por estar conosco!


Faça o download (baixe) a revista aqui: 


PROGRAMAÇÃO INFANTIL EM BERNA


CONVITE PARA NOITE DE AUTÓGRAFOS


vendredi 22 février 2013

RODAS DE LEITURAS & PRODUÇÃO DE TEXTOS


CURSO  RODAS DE LEITURAS & PRODUÇÃO DE TEXTOS



OBJETIVO: . Este curso tem o intuito de descontrair o ato de ler, seja livro, paisagem, figura, foto, partitura, imagem, obra de arte, etc . Realizaremos exercícios de leitura e de escrita propiciando ao participante condições para que possa de forma autônoma, localizar a nova informação e expressá-la, escrevendo-a para si, para o outro e para o mundo sem medo ou preconceito.
DOCENTE: Rebeca Gelse Rodrigues: psicóloga e especialista em LIJ.
PÚBLICO ALVO: pessoas acima de 14 anos, interessados no tema. Apostila e certificado a todos os participantes com 75% de frequência
DATAS: 06,13, 20 e 27 de março e 03 de abril de 2013 - QUARTAS-FEIRAS – totalizando 12 horas e meia de curso
HORÁRIO: das 18h às 20h30m, com tolerância para hora da chegada.
TAXA: gratuito.
LOCAL:Biblioteca São Paulo(BSP). Av. Cruzeiro do Sul, 2630- Parque da Juventude, ao lado da estação Carandirú do Metro – bairro de Santana em São Paulo- Capital
Formas de inscrição:
1. Por e-mail: agenda@bsp.org.br. A partir do dia 16 de fevereiro. Telefone da BSP: 11-2089-0800(SP)
2. Ou no balcão de atendimento da Biblioteca São Paulo de terça a sexta, das 09h30 às 17h30.



--
André Braga


@MundoID

Lançamento de Livro


Solicitações especiais


Queridos Confrades Amigos,

Como já é de conhecimento de alguns, sou um aficionado por papéis e livros antigos e afins, caso os amigos possuam estes itens e forem, por qualquer motivo se desfazer, quero dizer que tenho interesse em recebê-los em doação. Periodo de interesse até o final do século passado (1999). segue exemplos:

·         Notas fiscais, recibos cartões de crédito ou de visitas de antigas de lojas como Mappim, Jumbo Eletro, Mesbla etc...
·         Cadernetas escolares, diplomas,  medalhas, fotografias de Colégios e Faculdades (antigas).
·         Cheques, cartões de débito, extratos , cartões de visita e contratos cadernetas de poupanças, de Bancos extintos ( Banco Auxiliar - Bilbao Viscáia - Real etc...), bemo como antigos cofrinhos (porquinho e cofres de mesa).
·         Passes, fichas, cartões de metrô - trem - ônibus) (CMTC - CBTU - FEPASA - Pta. etc...)- além de todo tipo de material relacionado, tabela de horários, relatórios de saídas etc...
·         Jornais e Revistas Antigos.
·         Gibis antigos.
·         Gravuras, Quadros, Xilogravuras, Cordéis, Provas, desenhos e afins.
·         Revistas Ferroviárias e publicações afins – calendários ou cartazes de avisos.
·         Fotografias antigas, negativos e positivos, além de envelopes e máquinas antigas.
·         panfletos de empresas antigas
·         panfletos informativos das empresas de transportes ( CMTC - CBTU - FEPASA - Pta. etc...)
·         Certidões de nascimento, casamento, salvo conduto, antecedentes, óbitos, Rg – Títulos de Eleições – CPF, Emancipações, reservistas antigas, e afins...
·         Passaportes estrangeiros - de Navio – Avião, bem como passagens e publicações afins – roteiros, mapas, cartazes etc...
·         Ações, Cauções, Títulos de Capitalizações, Títulos de Honra, Diplomas e Medalhas antigas - títulos de capitalizações antigos.
·         Contas de luz, Cações, recibos e comprovantes de instalações - água -  telefone de empresas antigas ( Light - CTB etc...) Fichas telefônicas e cartões.
·         Cartões postais, Cartas, Bilhetes Postais, Selos e Envelopes antigos, bem como Telegramas e publicações afins – Formulários e comprovantes Antigos.
·         Notas fiscais de TV, Vídeos, radiolas,fonógrafos,  rádios - bem como os manuais de instruções e publicações afins.
·         Diplomas de datilografia - taquigrafia - dos etc...
·         Moedas - notas de dinheiro, promissórias, títulos de empréstimos, moedas particulares e tickets de leite e refeições etc...
·         Embalagens de cigarros importados e antigos, bem como publicações afins cartazes e os antigos cinzeiros.
·         habilitação de cocheiro - de carro - ônibus – bonde, Brevê e documentação de marinheiro – comandante e etc...
·         Livros, Livretos, Marcadores de Livros, Espátulas, Mata borrão, Penas, Canetas, Lápis Apontadores, materiais antigos.
·         Qualquer objeto colecionável, chaveiros, chaves, pratos, xícaras, vasos, máscaras, bibelôs, abajur, caixas de fósforos, quadros, azulejos, espelhos, embalagens pó de arroz, sabonetes, relógios, camafeus, porta retratos etc...
Enfim toda a infinidade de coisas que lhes parecem sem utilidade agradeceria se os amigos que tiverem disponibilidade destes itens, entrassem em contato neste mesmo e-mail. Por ora um grande abraço. Dimmy.

D i m y t h r y u s
Embaixador Universal da Paz (Cercle de Les Ambassadeurs Univ.de La Paix-Genebra, Suiça)
eucaliptos.jequitibas@gmail.com

CONVITE DO CURSO DE FILOSOFIA

O CEPA (Circulo de Estudo Pensamento e Ação), em parceria com a Faculdade 2 de Julho, continua com as inscrições abertas para o Curso de Extensão de Filosofia, Educação e Cultura com direito a Certificado. As aulas serão ministradas sempre aos sábados, pelo professor Germano Machado, presidente do CEPA, sob a coordenação da pedagoga Nildes Trigueiros, na Faculdade 2 de Julho(Rua Leovigildo Filgueiras, 81 – Garcia), das 14 às 17 h, até 27 de julho. No total são 60 horas de carga horária, com aulas de Filosofia, palestras sobre diversos temas e apresentações artísticas. Investimento: 5x  R$ 62,00.

 Inscrições e mais informações: Cepaadmin@gmail.com, germanomachado83@gmail.com,
 trigueiros-vida@bol.com.br, www.cepabrasilba.org.br, ou pelo telefone(71)3242-0502/ 8800-4717

Leitura Crítica


Olá meu nome é Adolfo Wilde e trabalho em conjunto com Flávio Almeida, sou Agente Literário. Entre outros elementos realizamos a Leitura Crítica. O trabalho consiste em primeiramente analisar os originais e discriminar suas características boas e ruins. A leitura crítica é uma atividade feita em qualquer livro que você já possa ter lido. É um trabalho obrigatório e indispensável em uma obra.  Trabalho o qual escritores consagrados se submetem a cada novo livro. Minha leitura consiste em apontar as fraquezas do livro, dar orientação de transformação que se ajuste a um "formato" mais profissional para que o livro não só se torne pronto para publicação, mas que seja capaz de formar um público consumidor. O trabalho de leitura crítica é uma visão do mundo editorial, é verdadeiramente o mundo editorial articulando com seu livro. Ou seja, todo livro editado se submete a uma leitura crítica. Através dela se poderá entender mesmo o destino e o público alvo do qual o livro fará parte.
Autores modernos e consagrados como Lya Luft, J K Rowling, Ernest Hemingway, Nicholas Sparks, Rubem Fonseca, Philiph Roth, só passaram a vender com a intervenção de agentes literários. Outro caso de sucesso é Clarice Lispector, que andou abandonada, mas com a retomada através dos esforços de um agente figura entre os livros mais vendidos da editora Rocco.
Caso a obra me cause interesse, eu mesmo, munido de minha experiência vou até as editoras negociar um contrato de publicação.
Saiba um pouco mais sobre nós no:
www.oagentecritico.blogspot.com
agentecritico@gmail.com

jeudi 21 février 2013

CONHEÇA MELHOR QUEM ESTÁ NO VARAL ANTOLÓGICO 3 (2)





CONHEÇA MELHOR QUEM ESTÁ NO VARAL ANTOLÓGICO 3






Oficina Literária Boca de Leão

As Atividades da Oficina Literária Boca de Leão", estará reiniciando no dia 26 de fevereiro, das 19h às 21h, no auditório da Biblioteca Pública de Santa Catarina, Rua Tenente Silveira, em frente do Banco Itaú, Centro de Florianópolis. por seu uma atividade aberta ao público, todos estão convidados a conhecer o Cronograma de Atividades de 2013. Se desejarem fazer parte do grupo, é só comparecer neste dia. Os encontros continuarão sendo quinzenais, sempre nas terças-feiras, até que o grupo mude para outro dia da semana. A Oficina conta com a parceria da FCC - Funda Catarinense de Cultura, BPSC - Biblioteca Pública de Santa Catarina e SOL - Secretaria de Organização e Lazer.

Jornadas Bolivarianas de 2013 discutem Megaeventos Esportivos


Por elaine tavares  - jornalista

Já está tudo pronto para a nona edição das Jornadas Bolivarianas, evento  internacional anual  do Instituto de Estudos Latino-Americanos (Iela/UFSC), que acontece de 9 a 12 de abril de 2013, no Auditório da Reitoria da UFSC. O tema desse ano são os Megaeventos Esportivos, buscando refletir os impactos e as consequências desse tipo de proposta uma vez que o Brasil sediará tanto a Copa do Mundo em 2014, como as Olimpíadas em 2016.  
Foi em função dessa realidade que o IELA decidiu trazer para o debate o esporte, que aparece hoje como um dos maiores eventos de massa da modernidade. Estima-se que as Olimpíadas e a Copa do Mundo de Futebol sejam assistidas por mais de 4 bilhões de pessoas, ou seja, mais da metade da população planetária; portanto, esses eventos a se realizarem no Brasil trarão para o país e para todo o continente latino-americano, antes, durante e após sua realização, muitos desafios, problemas e implicações culturais. Por conta disso, o Iela incorpora esse tema na sua discussão anual e traz pesquisadores e estudiosos de países que já foram sede de eventos semelhantes para discutir criticamente como vai ser o processo de preparação desses "acontecimentos" e qual o legado que eles realmente deixam aos povos. 
Estimam-se gastos na ordem de mais de 200 bilhões de reais para a realização da Copa do Mundo de Futebol de 2014 e as Olimpíadas de 2016 no Brasil, produzindo impactos significativos sobre as atividades econômicas, sociais, culturais e educacionais não só no país como em toda a América Latina. Também já se sabe que 60% desse valor - ou mais - serão suportados pelo Estado Brasileiro nas esferas municipal, estadual e federal. No rastro dessa sangria de recursos públicos,  os governos prometem melhorias que, ao final, acabam não acontecendo. Exemplos como a Grécia, China e África do Sul ainda são bem recentes. Estruturas imensas foram criadas para abrigar Olimpíadas e Copa do Mundo, e hoje estão abandonadas. O famoso estádio  Ninho de Pássaro em Pequim, que tanto furor causou pela beleza e magnitude, está fechado há mais de ano, sem que nada aconteça lá dentro. Dinheiro queimado. 
Segundo o presidente do Iela, que é professor de Educação Física, Paulo Capela, os megaeventos Copa do Mundo de Futebol e das Olimpíadas acabam aparecendo como formulações econômicas produzidas para o enfrentamento da crise pela qual passam os estados nacionais capitalistas e que começam também a ser adotados como forma política de estado em países empobrecidos e emergentes. "Diante da incapacidade do estado capitalista de atender de forma equânime a todas as populações nacionais constituintes de suas cidades, este mesmo estado promove entre elas, em razão da escassez de recursos públicos, acirradas competições. Essa lógica aparentemente produz algumas ilhas de modernidade, mas de forma geral empobrece os países-sede desses eventos, promovendo o subdesenvolvimento, ou seja, mais pobreza sistêmica".
E é para entender melhor os processos que são gerados com a lógica dos megaeventos que as Jornadas Bolivarianas oferecem à comunidade universitária e ao público em geral, de forma gratuita, debates com nomes renomados no mundo do  esporte, que buscam compreender os impactos gerados por essas formulações econômicas chamadas de "megaeventos" que muito mais visam lucros para muito poucos do que a saudável promoção do esporte. 
No Brasil, tudo já está girando em torno desses dois eventos. Desde a compra de televisores até as falsas promessas de melhorias nas cidades. Por isso, debater sobre eles e construir uma proposta de cunho popular para o esporte é tarefa do pensamento crítico, elemento básico do trabalho do Instituto. O Iela traz estudiosos da África do Sul, México, Uruguai, Equador, Cuba, assim como importantes pensadores do esporte em nível de Brasil como Juca Kfouri, Fernando Mascarenhas, Marcelo Proni e Nilso Ouriques.
 Veja a programação e participe do debate. Com conhecimento de causa e informação de qualidade os brasileiros poderão encontrar outras saídas para a prática de esportes.  
IX Jornadas Bolivarianas
Megaeventos Esportivos - seus impactos, consequências e legados para o continente latino-americano 
9 de abril de 2012
- Noite – Auditório da Reitoria – UFSC
18h30 – Abertura oficial das VII Jornadas Bolivarianas
19h – Conferência de abertura: Os Megaeventos Esportivos: Impactos, Consequências e Legados para o Continente Latino-Americano
Jaime Breilh/ Equador - Doutor e Diretor da Área de Saúde da Universidade Andina Simón Bolivar. Coordenador do Global Heach para a América  

10 de abril de 2011
- Manhã – Auditório da Reitoria
9h – Conferência:  O Estado, os Movimentos Sociais, as Políticas Públicas de Esporte e Lazer e os Direitos Sociais frente aos Megaeventos Esportivos
Antonio Becali Garrido, Reitor da Universidade de Ciências de la Cultura Física e Esporte - Cuba
Fernando Mascarenhas UNB, Brasília, Brasil 
- Tarde – UFSC e Hall da Reitoria
14h30 – 18h – Apresentação de Trabalhos  
- Noite – Auditório  da Reitoria
18h30 - Conferência: A Mídia, o Jornalismo Esportivo e a Cobertura dos Megaeventos Esportivos
Juca Kfouri - São Paulo
Maurício Mejía - México 
11 de abril de 2012
- Manhã – Auditório  da Reitoria
9h – Conferência: Acumulação do capital e megaeventos esportivos
Nilso Ouriques - Unoesc/ Brasil
Marcelo Proni – Unicamp/Brasil 
- Tarde – UFSC e Hall da Reitoria
14h30 – 18h – Apresentação de Trabalhos  
- Noite
19h – Conferência:  Cidades, Cidadania, Participação Popular e os legados dos megaeventos esportivos
Eddie Cottle - África do Sul - Autor do livro South África`s Wold Cup: A Legacy For Whom? (Copa do Mundo da África do Sul: um legado para quem?)
Raumar Rodrigues Gimenez – Universidade Republica do Uruguai

12 de abril de 2012
- Manhã
9h - Mesa redonda: O impacto dos megaeventos e a alternativa nacional-popular
Todos os conferencistas

0055 48 37216483 – 3721-4938 - 99078877

ShareThis

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...